Twitter retira postagem replicada por Trump por promover desinformação sobre o novo coronavírus

0
5

Um vídeo que mostra um grupo de médicos fazendo alegações falsas ou duvidosas relacionadas ao novo coronavírus foi removido pelo Facebook, Twitter e YouTube depois de o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, compartilhá-lo com seus 84 milhões de seguidores nas redes sociais nesta segunda-feira à noite, viralizando-o. O conteúdo é contrário ao que defendem especialistas em saúde pública, incluindo do governo americano, e a Organização Mundial de Sáude (OMS). Agora,  na conta de Trump há um aviso de tuíte removido no lugar da mensagem.

O vídeo, publicado pela Breitbart News, site de notícias de extrema direita, mostra uma mulher faz uma série de alegações falsas, incluindo que o uso de máscaras é desnecessário para impedir a disseminação do novo coronavírus e que estudos recentes mostrando que a hidroxicloroquina é ineficaz para o tratamento da Covid -19 são “ciência falsa”, patrocinada por “empresas farmacêuticas falsas”.

O vídeo rapidamente se tornou viral no Facebook, tornando-se um dos posts com melhor desempenho na plataforma, com mais de 14 milhões de visualizações antes de ser retirado na noite de segunda-feira por promover desinformação. Foi compartilhado quase 600 mil vezes, de acordo com a Crowdtangle, uma empresa de análise de dados de propriedade do Facebook.