Turismo de natureza motivam mais de 60% das viagens de lazer em 2019

0
18

O Ministério do Turismo e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgaram nesta quarta-feira (12.08) os resultados do módulo sobre Turismo da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – PNAD Contínua. O levantamento, com dados coletados no terceiro trimestre de 2019, teve o objetivo de mapear características das viagens realizadas por brasileiros e também quantificar os fluxos de turistas para as diferentes regiões do país e para o exterior, contribuindo para a criação de políticas públicas assim como a definição de ações e investimentos da Pasta.

A PNAD Contínua – Turismo apurou as características das viagens dos brasileiros, o que permite uma consistente avaliação sobre a demanda turística doméstica. De acordo com metodologia do IBGE, 72,5 milhões de domicílios foram analisados durante o 3º trimestre de 2019 para levantar informações sobre o motivo da viagem, meio de transporte utilizado, o destino da viagem, entre outros.

A pesquisa revela que 96,1% das viagens realizadas no período da pesquisa foi para destinos nacionais Brasil e 3,9% visitaram o exterior. No caso das viagens pessoais, os motivos variaram bastante: 36,1% visitaram parentes ou amigos, 31,5% viajaram a lazer, 17,5% para tratamento de saúde e bem-estar, 3,8% para compras pessoais, 3% para evento familiar ou de amigos e 2,9% religião ou peregrinação, entre outros.