“Tubarão-fantasma” tem pênis retrátil na cabeça

0
276

Apesar de se chamar tubarão-fantasma, este animal não é um tubarão, e sim um primo próximo: um peixe da família Chimaeridae.

Ele só foi filmado vivo pela primeira vez em 2009, e apenas em 2016 a espécie foi confirmada e registrada por uma equipe de pesquisadores.

O primeiro registro em imagem do animal foi feito por um grupo de cientistas do centro de pesquisas do Aquário Baía de Monterey (Califórnia) que analisavam o fundo do oceano no litoral da Califórnia e do Havaí. Para isso, eles usaram um veículo operado por controle remoto a uma profundidade de 2 mil metros.

Dave Ebert, diretor do programa de pesquisa de tubarões no oceano Pacífico, afirmou ao National Geographic que a descoberta foi “sorte pura”.