Time francês venceu o mundial sem liderar nenhuma estatística, revela Fifa

0
293

A seleção francesa conquistou a Copa do Mundo de 2018, em julho, sem liderar nenhuma estatística, de acordo com um relatório do Grupo de Estudo Técnico da Fifa (TSG) divulgado na terça-feira.

Os comandados por Didier Deschamps não sairam da competição como melhor ataque ou melhor defesa, foram apenas 19ª colocada no quesito posse de bola, 16ª em passes trocados, foi somente a 20ª que mais entrou na área dos adversários, entre outros.

Por outro lado, os franceses foram a segunda seleção que menos precisou de chutes para marcar gol, seis, apenas atrás da Rússia, que marcava a cada quatro finalizações.

O Brasil, que caiu nas quartas de final, derrotada pela Bélgica, ficou em sexto em posse de bola, quinto em passes, mas foi apenas o 20º em conclusões necessárias para balançar a rede.

Entre as conclusões do relatório publicado estão a melhoria na efetividade dos chutes de dentro da área, com um gol a cada 29 tentativas, contra 42, da Copa do Mundo de 2014. Além disso, aumentou o aproveitamento após cobranças de escanteios, para 31 lances que resultaram em gol, contra 41 de quatro anos atrás.

O Grupo de Estudo Técnico da Fifa foi liderado por Carlos Alberto Parreira e o holandês Marco Van Basten, que deixou há alguns dias a função de responsável pelo desenvolvimento técnico da entidade.