Testosterona favorece comportamentos agressivos revela estudo

0
125

A testosterona promove comportamentos orientados a alcançar um status social mais elevado, o que significa que está relacionada a atitudes mais agressivas, mas também com outras generosas, apontou um estudo publicado na revista “Proceedings” of The National Academy Sciences (PNAS).

Tradicionalmente, os altos níveis desse hormônio, essencial para o desenvolvimento sexual masculino, mas também presente em menor dose em mulheres, estava associado com a agressividade e a falta de generosidade nos humanos, mas os estudos que buscavam comprovar essas relação eram considerados pouco confiáveis.

Esta nova pesquisa, liderada pelo Instituto de Neurociência do Instituto Trinity College de Dublin, concluiu que a testosterona “pode causar nos homens um comportamento pró-social”, ou seja, que beneficie outros, o que indica que tem um “papel mais complexo” na conduta humana do que se acreditava.