Projeto garante realização de drenagem linfática pelo SUS

0
99
Entre os procedimentos custeados pelo Teto MAC estão partos, consultas médicas ambulatoriais, cirurgias cardíacas e tratamento oncológico. O Sistema de Controle do Limite Financeiro da Média e Alta Complexidade – SISMAC – foi criado pelo Ministério da Saúde, para auxiliar o gestor do SUS a acompanhar a evolução dos recursos federais destinados ao cofinanciamento de ações e serviços ambulatoriais e hospitalares de média e alta complexidade, executados sob gestão dos estados, do Distrito Federal e dos municípios. São Paulo ganha reforço de R$ 99 milhões do Ministério da Saúde. Entre os procedimentos custeados pelo Teto MAC estão partos, consultas. http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2018-04/sao-paulo-ganha-reforco-de-r-99-milhoes-do-ministerio-da-saude. Marcello Casal Jr./Agência Brasil.

Mulheres que fizeram o procedimento de mastectomia (cirurgia de retirada da mama) poderão ter o direito ao tratamento por meio de drenagem linfática manual realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O uso desse tipo de terapia no pós-operatório consta no Projeto de Lei da Câmara 54/2018, recém-chegado ao Senado. A proposta, de autoria do deputado Nelson Marquezelli (PTB-SP), já foi aceita na Câmara dos D

e está em avaliação na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), esperando a designação de relator.

A drenagem linfática é um método de massoterapia que procura reduzir toxinas e líquidos ao estimular a circulação dos vasos linfáticos por meio do fortalecimento e alongamento muscular e massagem sobre a cicatriz.