Prefeitura monitora bairros com riscos de ser atingidos pela cheia em Manaus

0
15

Após o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) fazer o primeiro alerta de como poderá se comportar a cheia para o ano de 2021, juntamente com a Agência Nacional das Águas, na última quarta-feira, 31/3, anunciando uma previsão de 90% que o fenômeno natural ultrapasse o nível de 29 metros do rio, que é classificada como cheia extrema, a Prefeitura de Manaus está monitorando 15 bairros da área urbana e 17 da zona rural ribeirinha. O comitê de pronta-resposta criado pelo prefeito David Almeida, já está trabalhando no plano de ações emergenciais para minimizar os impactos desses moradores de áreas afetadas pelo rio Negro. “Diante dos estudos que apresentam uma das cinco maiores cheias para este ano, o comitê tem trabalhado em conjunto, para realizar as ações emergenciais e minimizar os impactos aos moradores das áreas que podem ser afetadas, como nos determinou o prefeito David Almeida. E como há uma previsão de alto índice de chuva para os próximos dias, também estamos trabalhando para que o comitê atue em regime de plantão, para atender as ocorrências neste período chuvoso”, enfatizou o secretário municipal chefe da Casa Militar, tenente William Dias.