Poção de “bruxa” de mil anos mata bactérias resistentes a antibióticos

0
16

Uma fórmula de mil anos de idade para o tratamento infecções nos olhos talvez leve os cientistas a um novo caminho para lutar contra a resistência aos antibióticos.

A poção parece mesmo bruxaria: cebola, vinho, alho e bile bovina. E um artigo científico publicado na revista Nature Scientific Reports mostrou que a fórmula para o “colírio para os olhos de Bald”, conseguiu matar inúmeras bactérias, até mesmo algumas que eram resistentes a antibióticos, reportou o Gizmodo.

O artigo de Freya Harrison e colaboradores, da Universidade de Warwick, mostra um método subestimado para alcançar novos bactericidas. Hoje inúmeros antibióticos não funcionam contra certas cepas de bactérias que evoluíram resistência aos medicamentos. Livros médicos medievais podem ser uma fonte incomum de novo medicamentos.

Os ingredientes isolados do colírio de Bald não funcionavam para matar as bactérias, mas quando combinados mostraram seu potencial. O colírio foi muito eficaz contra a bactéria Staphylococcus aureus (MRSA) que pode levar a infecções severas, potencialmente mortais.

O colírio medieval inibiu as bactérias de maneira promissora, de acordo com o artigo, sem prejudicar as células humanas ou de camundongos o que mostra seu potencial como tratamento contra infecções.

Apesar do alho conter alicina, eficaz contra algumas bactérias isso não explica a eficácia da mistura de alho, vinho, cebola e bile bovina agindo de maneira tão eficaz e contra bactérias tão variadas.