Petrobras faz parceria de projetos de energia eólica com empresa norueguesa

0
68

 

A Petrobras e a empresa norueguesa Equinor (ex-Statoil) assinaram um memorando de entendimentos para o desenvolvimento conjunto de negócios para atuarem no segmento de energia eólica offshore no Brasil. As empresas já vêm investigando outras áreas potenciais de cooperação, incluindo desenvolvimento de iniciativas em energias renováveis. O acordo foi assinado no stand da estatal no Rio Oil & Gas 2018, no RioCentro.

No projeto, as empresas têm uma planta piloto para escala industrial com cataventos com capacidade de geração de 6 a 10 megawatts (MW), que, segundo o diretor, estão entre os maiores cataventos aerogeradores no mundo. Eles serão instalados em Guamaré, no Rio Grande do Norte.

De acordo com a Petrobras, a Equinor opera três parques eólicos na costa do Reino Unido e desenvolve outros projetos eólicos offshore no Reino Unido, Alemanha e nos Estados Unidos. A empresa, líder mundial em captura e armazenamento de carbono (CCS), é pioneira no desenvolvimento de soluções para projetos de eólicas offshore para águas profundas.

A Petrobras tem quatro parques eólicos no Rio Grande do Norte, com 104 MW de capacidade, que foram negociados no Ambiente de Comercialização Regulado (ACR) no leilão de energia de reserva de 2009 e entraram em operação em 2011.