Pesca esportiva é liberada em Corumbá após prejuízo de 80% no turismo

0
8

Uma das épocas mais esperadas do ano para a economia em Corumbá, a pesca esportiva foi liberada após três meses das atividades suspensas no turismo local. A paralisação aconteceu devido a pandemia da Covid-19, o novo coronavírus, e empresários agora trabalham para aliviar os danos e voltar a conquistar os pescadores.

Previsto para acontecer em abril, o Campeonato de Pesca Esportiva de Corumbá foi suspenso devido ao coronavírus e, recentemente, as autoridades municipais liberaram algumas atividades, mas com bastante rigor quanto às medidas de biossegurança.

Neste ano, os impactos foram extremos, pois de abril até junho, nenhum turista embarcou.

O setor econômico do Pantanal analisa que tem um grande caminho a percorrer para se recuperar dos impactos gerados pela pandemia. Após 15 dias de liberação das saídas turísticas, a agência de Joana Dark Santana já fez três saídas com turistas interessados na pescaria.

Joana comenta que, em relação ao ano passado, a agência teve prejuízo de 80%. “Quando surgiu o vírus em Corumbá, foram interrompidas todas as atividades e nos reunimos com o secretario de Saúde e da Anvisa para criar um protocolo de biossegurança. Hoje estamos atendendo os clientes que estão dispostos a vir”, comentou.