“ONU Mulheres” escolhe brasileira Marta como “Embaixadora da Boa Vontade”

0
168

Marta Vieira da Silva, craque futebolista brasileira, foi escolhida para ser a embaixadora global da Boa Vontade para mulheres e meninas no esporte. O anúncio foi feito ontem, 12, pela Organização das Nações Unidas (ONU) Mulheres.

A alagoana, que foi eleita cinco vezes a melhor jogadora do mundo, deverá apoiar o trabalho pela igualdade de gênero e empoderamento das mulheres em todo o mundo, inspirando mulheres e meninas a desafiar estereótipos, superar barreiras e seguir seus sonhos e ambições, inclusive na área do esporte.

Phumzile Mlambo-Ngcuka, diretora executiva da ONU Mulheres, afirma que “Marta Vieira da Silva é um modelo excepcional para mulheres e meninas em todo o mundo. Sua própria experiência de vida conta uma história

poderosa do que pode ser alcançado com determinação, talento e coragem. O esporte é uma linguagem universal; nos inspira e nos une, pois amplia nossos limites. Estamos ansiosas para trabalhar de perto com Marta para trazer o poder transformador do esporte para mais mulheres e meninas, e para construir rapidamente a igualdade. Tenho o prazer de recebê-la na família da ONU Mulheres”.

Embaixadoras da Boa Vontade da ONU Mulheres são pessoas proeminentes do mundo das artes, ciências, literatura, entretenimento, esporte ou outros campos da vida pública que expressaram seu compromisso pessoal com o mandato da ONU Mulheres e sua determinação de criar impulso e recursos em torno da igualdade de gênero e empoderamento de mulheres e meninas através da mobilização de seus públicos em sua área de atuação e influência. Marta também atuou como Embaixadora da Boa Vontade do PNUD nos últimos anos.