“O que ocorreu no Amazonas foi uma chacina”, diz Wilker Barreto sobre governo Wilson Lima

0
10

Na próxima quinta-feira (6), o Plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) votará pelo prosseguimento ou arquivamento do processo de impeachment do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e do vice, Carlos Almeida Filho (PRTB), pelos crimes de responsabilidade. Para o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos), a decisão será mais uma chance da Casa Legislativa de atender os anseios da sociedade amazonense, que aprovou, na última sexta-feira (31), o relatório da Comissão Processante do Impeachment que optou por arquivar o pedido de afastamento dos gestores do Estado.

Em seu pronunciamento na Sessão Ordinária de ontem (4,) o parlamentar afirmou que a votação do plenário sobre a continuidade do processo de impeachment é mais uma oportunidade da Assembleia fazer as pazes com a sociedade amazonense.

“Esta Casa tem a oportunidade de fazer as pazes com o povo e permitir que o processo de impeachment avance, para que possamos investigar os atos praticados por um governo que foi um verdadeiro genocida. O que ocorreu no Amazonas foi uma chacina e quem perdeu seu ente querido nesta pandemia não pode ser tratado meramente como números”, ponderou Wilker, na tribuna da Aleam.