Modelo britânica fez sequestrador se apaixonar por ela para poder escapar

0
74

 

A modelo britânica Chloe Ayling, 20 anos, havia viajado até Milão para uma sessão de fotos com Lukasz Herba em 30 de julho de 2017.

Chegando lá, drogaram a modelo com ketamina (uma substância que é feita com anestésico usado em cavalos), e a levaram em um porta-malas até uma fazenda a 193km de distância.

Ayling disse em entrevista ao programa Victoria Derbyshire, da BBC que foi “horrível” quando chegou na casa e Herba contou que, se ela não pagasse o valor de 300 mil euros, seria vendida como escrava sexual.

O sequestrador chegou a perguntar se podia beija-la e se os dois poderiam ter um relacionamento.

“Eu pensei que era a minha chance de sair dali”, contou a modelo.

“Uma vez eu vi sua reação ao que eu estava dizendo sobre as coisas que poderiam acontecer no futuro. Ele estava animado e realmente ansioso para que acontecesse e sempre falando disso – foi essa resposta que me fez perceber que eu precisava continuar fazendo aquilo.”

Herba, um polonês, foi preso em junho e condenado a 16 anos e nove meses de reclusão após ter sido julgado em Milão.