Ministro Aloysio Nunes diz estar aliviado após Trump suspender ordem para separação de famílias de imigrantes

0
34

Aloysio Nunes, ministro das Relações Exteriores do Brasil afirmou estar aliviado com ordem do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para suspender separação de famílias de imigrantes. “Todos nós pudemos avaliar quando vimos aquelas imagens na televisão de crianças desesperadas após separadas dos pais”, disse Nunes em entrevista coletiva na ultima quinta, 21.

Reiterando a posição do Itamaraty em relação à política de separação de famílias, Nunes, classificou a medida como “cruel”.

Segundo balanços recentes do Itamaraty, 49 menores brasileiros foram separados dos pais após Trump aplicar a política de “tolerância zero” contra a imigração ilegal nos Estados Unidos.

O Itamaraty deve manter o diálogo com o governo norte-americano. “Não queremos politizar este assunto. O nosso objetivo é atender as pessoas”, ressaltou.

Nunes também orientou os imigrantes a “obedecer e não tentar burlar” as leis dos países, “assim como queremos que respeitem as nossas”.

“É preciso tomar muito cuidado e saber que os Estados Unidos têm suas leis”, declarou.

A política migratória americana estabelece que todo adulto que for pego atravessando a fronteira ilegalmente deve ser criminalmente processado. Se for capturado, o indivíduo é levado a um centro federal de detenção de imigrantes até que se apresente a um juiz.