MEC seleciona brasileiros para ensinar português no exterior

0
31

Quinze professores brasileiros foram selecionados para promover a língua, cultura e literatura do Brasil no exterior, pelo Programa Leitorado, conforme resultado divulgado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) no Diário Oficial da União de segunda-feira, 31. A parceria com o Ministério das Relações Exteriores (MRE) vai aumentar o acesso desses profissionais a centros internacionais de excelência e oferecer oportunidade de colegas no Brasil e no exterior colaborarem entre si.

Além de ensinarem disciplinas relacionadas à língua e literatura brasileiras, os selecionados vão colaborar com projetos acadêmicos durante os dois anos previstos para a execução das atividades, que podem ser prorrogados pelo mesmo período. O MRE vai financiar as bolsas, na modalidade Leitor, e as passagens de ida e volta dos beneficiários. À CAPES coube o processo seletivo e a avaliação dos candidatos, conforme os critérios estabelecidos no edital.

A iniciativa conta com a cooperação de Angola, Bolívia, Chile, China, Coreia do Sul, Equador, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Guiné-Bissau, Hungria, Israel, Índia, Japão, Líbano, México, Peru e Reino Unido. Por isso, os professores formados em nível de licenciatura precisaram comprovar experiência no ensino de língua portuguesa e proficiência em inglês, francês, espanhol, italiano ou alemão, conforme o exigido pela instituição à qual se candidataram.