Manaus-AM supera meta para 2021 no Ideb e vira referência em educação no país

0
168
foto da internet

Mais uma vez Manaus mostra que fez o dever de casa e chega à 9ª posição no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2017, que foi divulgado na segunda-feira, 3/9, pelo Ministério da Educação (MEC). O prefeito Arthur Virgílio Neto destacou o avanço na Rede de Ensino Municipal, reiterando que, em 2017, a Prefeitura de Manaus já superou a meta estabelecida para o ano de 2021.

Em dois mil dias de gestão, a capital saiu da 20ª posição no Ideb, com nota de 4,1, para os Anos Iniciais (do 1º ao 5º ano do ensino fundamental), e 3,1, nos Anos Finais (do 6º ao 9º ano do ensino fundamental), colocando a educação básica do município entre as dez melhores de todo o país. Manaus garantiu o nono lugar no Ideb com os índices de 5,8 e 4,7, para os Anos Iniciais e Finais do ensino fundamental, o que representa um crescimento de 41% e 52%, respectivamente.

Com a nota de 4,7 nos Anos Finais, Manaus já superou a meta estipulada pelo MEC para o ano de 2021, que é de 4,6. E nos últimos 6 anos, a capital foi a que mais avançou na educação em todo o Brasil, ficando atrás somente de Fortaleza (CE). Esses números representam o resultado dos investimentos feitos pela Prefeitura de Manaus, visando sempre a qualidade do processo de ensino aprendizagem dos alunos e a valorização dos educadores.

A nota do Ideb é composta pela nota da Prova Brasil e Fluxo Escolar. A Prova Brasil é realizada em todos os anos ímpares e a divulgação dos resultados acontece sempre no ano subsequente.