Longa-metragem brasileiro disputa vaga no prêmio‘Goya’

0
170
foto da internet

O filme brasileiro “Benzinho”, de Gustavo Pizzi, foi selecionado como longa brasileiro na disputa entre os quatro finalistas ao Prêmio Goya de Melhor Filme Ibero-Americano, o evento será realizado no dia 2 de fevereiro de 2019, na cidade de Sevilha, na Espanha. A premiação teve início emno ano de 1987, é coordenada pela Academia das Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha.

 

Estão presentes na comissão Josiane Osório de Carvalho, por indicação do Fórum dos Festivais; Marcelo Pimentel Müller, por indicação da Associação Brasileira dos Críticos de Cinema (ABRACCINE); João Daniel Sequeira Tikhomiroff, por indicação do Programa Brasil de Cinema; Adriana de Lucena Navais Dutra, por indicação da Academia Brasileira de Cinema (ABC); e Gustavo Ferreira Rolla, por indicação da Ancine.

 

O filme foi selecionado devido a denominação de obra cinematográfica com forte marca autoral ao mostrarum mundo genuinamente brasileiro através da capacidade de se comunicar com plateias de todo o planeta.