Laboratório do AM vira referência nacional em diagnóstico de tuberculose

0
30

O Laboratório Central de Saúde Pública do Amazonas (Lacen-AM), da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), foi habilitado pelo Ministério da Saúde (MS) como o terceiro maior laboratório de referência em diagnóstico de tuberculose e de micobacterioses não tuberculosas do País. A habilitação foi publicada no Diário Oficial da União, na edição nº 173, do dia 6 de setembro, que certifica o Lacen-AM em referência macrorregional.

O laboratório do Amazonas recebeu a terceira maior pontuação, com 98,0 pontos. A primeira colocação foi do Laboratório de Referência Nacional de Tuberculose e Micobacterioses Ângela Maria Werneck, do Centro de Referência Professor Hélio Fraga ENSP/FIOCRUZ, do Rio de Janeiro, com 100,0 pontos, e na segunda posição o Laboratório de Bacteriologia e Bioensaio do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (IEC/MS), do Pará, com 99,0 pontos.

Foram habilitados ainda os laboratórios centrais de saúde pública do Espirito Santo e do Distrito Federal, quarto e quinto colocados, respectivamente, para compor a Rede Nacional de Laboratórios de Saúde Pública.

Para a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto, a habilitação é o reconhecimento da dedicação da equipe do Lacen. “Recebemos com muita alegria essa notícia e compartilhamos com a população amazonense que conta no Estado com um laboratório de excelência”, destacou Rosemary.