Governo do Estado entrega mais 141 novas viaturas para o reforço do policiamento no Amazonas

0
117

Foi entregue às forças de segurança pública, ontem, 21, um total de 141 novas viaturas, das quais 44 destinadas ao interior do estado pelo governador Amazonino Mendes, em solenidade no Centro de Convenções Gilberto Mestrinho, o Sambódromo, zona centro-oeste de Manaus. A renovação beneficiará as polícias Militar e Civil, Corregedoria-Geral do Sistema de Segurança e Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai).

Amazonino Mendes, desde que assumiu o Governo do Estado, em outubro de 2017 já entregou 308 novos veículos, entre novos e revitalizados, reforçando o patrulhamento ostensivo em Manaus e nas cidades interioranas. Conforme o governador, o investimento no reaparelhamento das forças de segurança pública vai continuar, principalmente com o trabalho que está sendo desenvolvido pelo escritório internacional de consultoria em segurança, Giuliani Security & Safety (GSS), do ex-prefeito de Nova York, Rudolph Giuliani.

“Isso é uma guerra, né? É uma guerra séria, inclusive, técnica. Não se combate mais a criminalidade como se fazia antigamente, ou como se costuma fazer. Hoje, o combate à criminalidade no mundo inteiro obedece as normas técnicas, e uma forma científica. Nós estamos fazendo aqui um esforço de tudo que é possível, dentro das nossas limitações. Mas todo mundo já sabe que o Amazonas vai inaugurar o processo mais moderno de combate à criminalidade com o contrato que nós fizemos com a equipe de Giuliani”, destacou o governador.

Partes das novas viaturas serão empregadas no interior do estado, que também receberá o reforço de novos policiais civis, concursados aprovados que foram convocados pelo governador logo depois que ele assumiu o governo.

“Agora, nós vamos distribuir esses carros em todo o estado. É preciso lembrar que todos os municípios, a partir de agora, também já vão ter escrivão e investigador, além de carro. A criminalidade está prosperando não apenas em Manaus, mas o interior também está uma coisa assombrosa, terrível. O fato é que nós dormimos durante muitos anos. Deixamos de fazer aplicações de recursos, no setor da segurança. Tem muita coisa errada e muita coisa para ser resolvida, para lutar, para combater”, disse.

As delegacias também serão reformadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), visando melhoras as condições de infraestrutura. “Vamos reformar todas as delegacias, recuperá-las. E continuamos o trabalho de aprimoramento no sistema investigatório da polícia, o sistema de prevenção, contra a criminalidade. Nós não pararemos, não. Nós não podemos parar. Nós temos que correr muito e usar toda a experiência de vivência administrativa que a gente tem”, destacou o governador.

Amazonino ressaltou ainda a redução dos índices de criminalidade em oito meses de nova gestão, além das conquistas e benefícios que alcançaram os profissionais do sistema de segurança. “É bem verdade que o governo fez muito, se esforçou. Em oito meses, fazer o que nós fizemos no setor da segurança, cá entre nós, só não enxerga quem não quer”, concluiu o governador, afirmando que o Governo do Estado irá investir ainda aproximadamente R$ 50 milhões no reaparelhamento das polícias.