Espaços culturais oferecem programação gratuita em Manaus

0
11

Espetáculos – Na agenda de espetáculos tem Amazonas Filarmônica com repertório para um conjunto de metais no dia 17, às 20h; e a pré-estreia mundial do filme “O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão, na programação da 10ª edição do festival CineFantasy, no dia 19, também às 20h, com classificação para 16 anos.

No dia 24, às 20h, a Amazonas Filarmônica apresenta “Quartetos de Mozart e Beethoven”; enquanto nos dias 26, às 20h, e 27 de setembro, às 19h, a Orquestra de Câmara do Amazonas (OCA) e o Corpo de Dança do Amazonas (CDA) se unem para apresentar “Solatium”.

Galeria – A Galeria do Largo está com sete mostras em cartaz: “Planos Íntimos”, de Sérgio Andrade; “Mitos, Medos e Mistérios”, de Eunuquis Aguiar; “Os Lambes de Todo Mundo – Festival Internacional de Lambe-Lambe”, de Eraquario; “Miopia – Impressão Manauara”, de Alonso Júnior; “Univercaos”, de Micael Santos, no Espaço Mediações; e “NÓX Sintomas e Processos”, com trabalhos dos artistas Adroaldo Pereira, Árvores do Asfalto, Bruno Kelly, Casa de Sananga, Darlan Guedes, Dermison Salgado, Fabiano Barros, Helen Rossy, Ítalo Alus, Jorge Liu, Thaizis, Romahs, Roosivelt Pinheiro e Odacy Oliveira, com curadoria de Cristovão Coutinho; além da exposição permanente “Cidade de Santa Anita”, de Mário Ypiranga Monteiro.

O equipamento funciona das 15h às 20h, de terça a domingo.

Teatro da Instalação – A casa de espetáculos – localizada na rua Frei José dos Inocentes, s/nº, Centro – vai receber, a partir deste domingo (13/09), a segunda edição do projeto “Domingo Autoral”, iniciativa do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa. O primeiro show será da banda Johnny Jack Mesclado, às 19h. As vagas disponibilizadas para este evento já foram preenchidas.

Neste mês, a programação do “Domingo Autoral” conta ainda com o Grupo Gaponga no dia 27.

Nos dias 25 e 26, às 19h, o Balé Folclórico do Amazonas resgatará, no espetáculo “Dançando Nossos Compositores”, composições de artistas regionais que imprimem de forma lírica o sentimento, a audácia, o caráter e o temperamento do povo amazonense. Celdo Braga, Raízes Caboclas, Arnaldo Rebello e Marcos Sabino são alguns dos nomes que farão parte do repertório. É necessário agendamento pelo Portal da Cultura.

Museus e centros culturais – No Palacete Provincial, o roteiro começa pelo andar superior, no Museu de Numismática, seguindo pelos museus Tiradentes e de Arqueologia. No andar inferior, a visita segue pela Pinacoteca do Estado e finaliza pelo Museu da Imagem e do Som do Amazonas (Misam).

O Centro Cultural Palácio Rio Negro, construído em estilo eclético, em 1903, para ser residência particular do comerciante da borracha, o alemão Karl Waldemar Scholz, é um dos prédios mais emblemáticos desse período, que marcou a economia do estado.

No local, que funcionou como sede do Governo e, em 3 de outubro de 1980, foi tombado como Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Amazonas, o público pode conferir a beleza arquitetônica e relevância histórica. Os espaços funcionam de terça a sábado, das 9h às 15h, com sistema de agendamento pelo Portal da Cultura.