ENTREVISTA EXCLUSIVA: “Eu não vim para a política fazer fortuna, e sim para fazer história”, diz Chico Preto, único vereador candidato à prefeitura de Manaus

0
137

Chico Preto, é natural de Manaus, casado e tem dois filhos. Formado em Direito pela Universidade Nilton Lins. Marco Antônio Souza Ribeiro da Costa, nome que foi registrado, iniciou sua carreira política aos 23 anos de idade, ao se candidatar a uma vaga no parlamento municipal, conquistando uma suplência.

Em 1996, conquistou seu primeiro mandato como vereador pelo PSC, com 2.456 votos. Reelegeu-se em 2000, com 7 428 votos.

Entre os anos de 2003 e 2004, Chico Preto foi Secretório de Estado do Trabalho e Cidadania (Setraci). Em 2010, Preto foi eleito deputado estadual, com 23 153 votos. Em 2016, voltou a Câmara Municipal eleito novamente vereador.

Este ano, o partido Democracia Cristã (DC) oficializou a candidatura de Chico Preto à Prefeitura Municipal de Manaus.

Ao ON Jornal, ele conta o por que colocou o seu nome à disposição da população e como pretende mudar o jeito de administrar Manaus.Confira!

ON Jornal – Pra começarmos, seu nome é Marco Antônio Souza. De onde surgiu o nome “Chico Preto”?

Chico Preto –Esse nome é um nome carinhoso que foi passado pra mim, desde o meu avô, depois passou para o meu pai e depois chegou a mim. Recebi de herança.

ON Jornal – O MPAM pediu a impugnação da sua candidatura. Explica o que aconteceu?

Chico Preto – O que aconteceu foi uma ‘bisonhice’ do promotor. Eu uso esse termo para dizer quando o cara é descuidado e desatento.

Eu apresentei todos os documentos necessários e esse promotor me trouxe grandes problemas. Por que, por exemplo, até hoje tem gente que acha que eu não sou candidato por causa disso. Eu sou candidato, a justiça já me deu autorização.

Então, eu resumo isso como uma ‘bisonhice’ desse promotor.

ON Jornal – Qual a diferença do candidato Chico preto para os outros?

Chico Preto –Olha, eu não sou melhor do que ninguém, mas a minha história fala por si. Eu tenho 23 anos de vida pública e eu não tenho uma acusação se quer de corrupção ou desvio de dinheiro público.

Tem pessoas que tem menos tempo de mandato, mas já estão manchados pela corrução. A minha vida é limpa e reta. Eu não melhor do que ninguém, mas eu sei aonde estou e aonde quero chegar, e o preço que tenho que pagar pra isso. O preço é exatamente esse, que minhas decisões sejam sempre pautadas pelo compromisso que trouxe pra política.

Eu não vim pra politica pra fazer fortuna, e sim para fazer história.

ON Jornal – Segundo as últimas pesquisas você aparece em 8 lugar no ranking. O que você tem a dizer sobre isso e qual o plano para subir das pesquisas?

Chico Preto –Bem, nós seguimos a campanha normal. Conversando com o maior número de pessoas possível.

Quanto a pesquisa, quem acredita em pesquisa pra decidir seu voto, é igual quem acredita em pegada de curupiranomeio do mato. Você vai semprepro lugar errado. Eu não me pauto por pesquisa. A eleição tem dois turnos. No primeiro, vote no seu candidato.É a oportunidade de que votar em quem você acredita e confia.

Já no segundo turno, aí sim, você pode votar por eliminação. Então essa mensagem que a gente tem passado. Vote em quem você acredita e confia, não se paute por pesquisas.

ON Jornal –Principais projetos para Manaus e qual o projeto dos sonhos?

Chico Preto –Olha, a minha primeira ação à frente da prefeitura é dar um recado claro contra a corrupção. Por exemplo, começa na hora de pagar. Hoje, se você não se sujeitar a corrupção você não consegue um contrato com a prefeitura. Só consegue se pagar propina. Infelizmente.

Claro, se você me perguntar sobre provas, eu não tenho. Não tenho como te provar que isso exista. Mas isso é como o vento. Não precisamos ver pra saber que existe.

Outro exemplo, é o superfaturamento. Com o tráfico de influência, ele superfatura os produtos. O cara vende um produto na loja dele um produto por R$ 10 reais, pro exemplo, pra prefeitura ele vende por R$ 20. Infelizmente, isso acontece.

Pra travar isso, vamos criar um projeto chamado ‘Ordem Pública e Cronologia dos Pagamentos’, onde vai impedir essa pratica. Outra coisa, vamos acabar com esse negocio de obra começar custando R$ 1 milhão e terminar com valendo R$ 3 milhões. Vamos ter um seguro para custar qualquer valor adicional nas obras. Sem sangrar os cofres públicos.

Vamos melhorar o transporte coletivo também. Fazer um trabalho bem melhor do que esse que está aí. Vamos melhorar o acesso do empreendedor ao capital de giro e o capital inicial. Hoje é muito difícil. Vamos diminuir impostos pra facilitar a vida daquele empreendedor que usa a sua casa como local de trabalho. Vamos facilitar a vida de quem quer trabalhar.

ON Jornal –Você que já tem experiência de outras campanhas, concorda que a falta do contato direto com os eleitores vai fazer a diferença nas urnas?

Chico Preto –Com certeza!  Estamos tomando as cautelas necessária, mas nem de longe tem sido igual às outras eleições. O contato físicoestá bem restrito. O abraço não pode, o aperto de mão não tem mais. Eu sinto falta, por que a politica não é feita apenas de projetos né, é feita de sentimentos também. Ta sendo bem diferente das outras campanhas. As redes sociais hoje é o foco.

Eu espero que isso passe logo, e possamos voltar à normalidade.

ON Jornal –Você é do Democracia Cristã, sendo assim, a linha ideológica é de Direita. Mas para o bem de Manaus, você faria alianças com partidos de esquerda?

Chico Preto –Quando eu chegar à prefeitura eu vou administrar a cidade para católicos, protestantes e macumbeiros. Heterossexuais e homossexuais. Minha administração será para todos.

Agora, claro, no campo das ideais, eu sou conservador, eu acredito em tradição, na família. Tudo que vier para destruir nossos valores e princípios vai encontrar em mim uma grande resistência. Não apoiarem ideias desse tipo.

Como prefeito, ouvirem todos. Quem tiver bons projetos que vão ajudar Manaus, serão ouvidos.

ON Jornal –O que gostaria de acrescentar?

Chico Preto –Eu queria dizer que o cidadão hoje tem todas as razões para estar chateado com a política, e eu não tira sua razão. Mas eu queria dizer também, que a politica é muito importante para as pessoas, para o nosso dia a dia.

Eu chamo a atenção para as pessoas separem os maus políticos dos bons politica. Por que a politica é importante da decidir mediadas para a saúde, para o trânsito, na economia, educação, transporte, enfim. E não vai ser se afastando da política que vamos resolver o problema. Eu vejo muitos se afastando da política por que teve uns e outros que fizeram coisas ruim. Mas eu digo, se está ruim com ele, então troca. Vote em outro político, naquele que você acredita, por que ai sim vai ter renovação.

Então eu faço esse pedido aos leitores do ON: no primeiro turno vote por convicção. Não seja guiado por pesquisas. Pesquise, compare, a internet está ai pra isso.