‘Devem retornar dia 3 de maio’, diz Pauderney Avelino sobre volta às aulas das escolas municipais

0
16

O secretário municipal de Educação, Pauderney Avelino, afirmou que planeja o retorno das aulas presenciais em Manaus para o dia 3 de maio. O pessoal administrativo já teve a volta presencial determinada para esta quinta-feira, 1º de abril, segundo consta no Diário Oficial do Município de segunda-feira, 29.

O secretário afirma que a volta às escolas está sendo discutida com o Estado. “Nós estamos programando e estamos trabalhando junto com a Seduc (Secretaria de Educação do Amazonas) para retornarmos no dia 3 de maio”, disse.

No início de fevereiro, Pauderney havia dito que pretendia voltar com as aulas pelo sistema híbrido em março. Já no último dia 10 de março informou que a previsão era que isso ocorresse em abril.

Quanto a retomada das atividades presenciais nessa quinta-feira, a portaria no DOM estabelece o retorno em todas as unidades educacionais e administrativas da Semed. Pauderney esclarece que a medida não vale para os professores. “Por enquanto, essa portaria é para o pessoal administrativo”, disse. O secretário considerou a redução das taxas de transmissão e da média móvel de óbitos por Covid-19 nas últimas semanas em Manaus.

Cuidados no retorno

A portaria define regras de prevenção à Covid-19 para os servidores. As unidades educacionais e administrativas deverão funcionar com 50% da capacidade total de lotação. O expediente para o trabalho presencial será de 7h às 11h e das 13h às 17h, nas unidades educacionais, e de 8h às 12h e 13h às 17h, nas administrativas, ressalvados os casos de relevante serviço público.

O atendimento ao público deverá ser realizado de forma remota, por meios eletrônicos ou telefônicos. Mas quando for indispensável, poderá ocorrer presencialmente, desde que agendado. O responsável de cada unidade deve estabelecer um sistema de escalonamento dos servidores para cumprirem as atividades presenciais. Os que não forem escalados, devem trabalhar remotamente, nos mesmos horários de quem estará nas unidades.

Exceção

Os servidores com idade igual ou superior a 60 anos, assim como aqueles com comorbidades comprovadas por laudo expedido pela Junta Médico-Pericial do Município de Manaus não voltarão quinta-feira.

Os do grupo de risco que que são lotados nas unidades educacionais, permanecem desenvolvendo as atividades por home office, de 7h às 11h e de 13h as 17h. Os que são das unidades administrativas, atuam de 8h às 12h e de 13h às 17h.