Cientistas usam “drones-espantalhos” para afastar pássaros

0
30
Imagem da Internet

Cientistas da Universidade de Sidney, na Austrália, buscam na tecnologia uma forma de proteger a produção sem prejudicar a fauna local.

A partir dessas informações o engenheiro aeroespacial, Zihao Wang, e outros pesquisadores passaram a estudar métodos mais efetivos e baratos de proteger as plantações.

powered by Rubicon Project.

Em seu estudo publicado na Science Direct — intitulado “Guerra psicológica no vinhedo: Usando drones e psicologia de aves para controle de danos às uvas” — eles explicaram como conseguiram fazer com que um drone afastasse bandos de pássaros de vinhedos. O método desenvolvido por eles trouxe resultados positivos e muito mais acessíveis, principalmente para pequenos produtores rurais, já que drones podem ser controlados a distância

No experimento, os pesquisadores adaptaram um drone comum de seis hélices com um corvo empalhado e caixas de som que emitiam sons de diversos tipos de aves. A ideia era assustar os animais que — em teoria — pensariam que o corvo empalhado foi capturado por algo que poderia machucá-los também. O estudo foi bem-sucedido em afastar os bandos das plantações, que foram embora definitivamente ou ficaram longe por um período.