Britânico vence a Maratona de Chicago e quebra recorde europeu

0
123
Imagem da Internet

O britânico Mo Farah venceu neste domingo a Maratona de Chicago, nos Estados Unidos, no primeiro grande resultado após trocar as provas de pista, em que foi campeão olímpico e mundial nos 5 mil e 10 mil metros.

O fundista, de origem somalí, cruzou a linha de chegada com o tempo de 2h05min11s, o que representa, ainda, o novo recorde europeu da maratona. A marca anterior era do norueguês Sondre Nordstad Moen, de 2h05min48s, estabelecida em 3 de dezembro do ano passado.

Farah, que já havia sido terceiro colocado na Maratona de Londres, no Reino Unido, ficou a frente do etíope Mosinet Geremew, que completou a prova em 2h05min24s, e do japonês Suguru Osako, que fez o tempo de 2h05min50s, medalhistas de prata e bronze, respectivamente.

O americano Galen Rupp, que defendia o título, se afastou do pelotão principal na altura do quilômetro 30 e acabou terminando a prova na quinta colocação, atrás também do queniano Kenneth Kipkemoi.

O melhor brasileiro foi Geraldo Pereira da Silva Filho, que terminou na 109ª colocação, com o tempo de 2h32min02s.