Brasil tem voos cancelados após greve geral paralisar a Argentina

0
142
foto da internet

A Greve geral que paralisou no último dia 25 de setembro (terça-feira) a Argentina, acabou afetando as operações nos aeroportos nacionais e internacionais.

A greve geral foi determinada por uma das maiores centrais sindicais da Argentina, que atualmente  vive um caos econômico. O Produto Interno Bruto (PIB) foi calculado em aproximadamente 2,4% até o fim do ano, o desemprego aumentou 9,6%, o peso argentino já perdeu 50% de valor até agora e a inflação deve superar 40% em 2018. Também foram paralisados os serviços de transporte público, bancos, escolas e hospitais.

A paralisação aconteceu no mesmo dia em que Mauricio Macri, presidente da Argentina, falou em relação a situação do país na Assembleia Geral da ONU, que acontece em Nova York (Estados Unidos)

Ainda no dia 25/09, o presidente do Banco Central argentino, Luis Caputo, renunciou ao cargo, dizendo que foram “motivos pessoais”.