Brasil sai com oito medalhas no Mundial de Natação

0
105

O Mundial de piscina curta chegou ao fim no ultimo domingo – e o Brasil mais uma vez subiu ao pódio. Na decisão dos 50m livre, Etiene Medeiros repetiu a boa performance da semifinal, bateu novamente o recorde sul-americano (23s76) e ficou com a medalha de bronze.

Esta foi a primeira vez em que Medeiros subiu ao pódio nesta prova, a mesma em que foi finalista olímpica nos Jogos Rio-2016; na ocasião, Etiene ficou na lanterna. As holandesas Ranomi Kronmowidjojo (23s19, recorde de torneio) e Femke Heemskerk (23s67) repetiram a classificação na semifinal do Mundial de piscina curta e ficaram com as medalhas de ouro e prata, respectivamente.

Os outros dois bronzes do Brasil vieram de Daiene Dias (100m borboleta, tempo de 56s31) e Felipe Lima (50m peito, tempo de 25s80). João Gomes Júnior também disputou a mesma prova que Lima, mas ficou na sexta posição (tempo de 26s02).

Por pouco o revezamento 4×100 medley não rendeu outra medalha ao país, mas o quarteto formado por Guilherme Guido, Felipe Lima, Nicholas Santos e Breno Correia ficou com a quarta colocação (tempo de 3m22s).

Todas as medalhas do Brasil foram:

– Ouro: Nicholas Santos (50m borboleta); revezamento 4x200m livre masculino

– Bronze: Etiene Medeiros (50m livre), Daiene Dias (100m borboleta), Felipe Lima (50m peito), Brandonn Almeida (400m medley), revezamento 4x50m medley masculino e revezamento 4x100m livre masculino