Amazonas corre o mesmo risco do Amapá com os apagões, alerta Serafim

0
7

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) chamou a atenção, ontem (19), para a necessidade de regulamentação e fiscalização periódica de transformadores responsáveis pelo abastecimento de energia elétrica. O alerta, feito da tribuna virtual da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), veio após a explosão do transformador em Amapá, que há 17 dias deixa o estado às escuras.

“Há 17 dias o Amapá está sem energia elétrica. Se isso tivesse acontecido no Rio de Janeiro, em São Paulo ou em Brasília já tinham dado um jeito, mas como é no Amapá, como é na Amazônia, ninguém liga para nada. A empresa responsável pelo abastecimento é privada, espanhola, que está em recuperação judicial e que levou 11 meses para fazer a manutenção de um transformador. Como não concluiu, terminou que o transformador explodiu”, lamentou o deputado.

Para o parlamentar, o poder público, no caso a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), tem a responsabilidade de regulamentar e fiscalizar essas empresas.

Serafim mostrou, através de um mapa, a passagem das subestações das linhas de transmissão de Tucuruí e disse que se as autoridades competentes não tomarem providências, o problema pode se repetir daqui a alguns anos no Amazonas e o estado ficará no escuro.