Agências de turismo se especializam em pacotes sobre cultura negra

0
23

Fazer um teste de DNA e descobrir em qual parte da África nasceram os seus ancestrais. Essa é uma das experiências que podem ser vivenciadas por pessoas negras que buscam os serviços de agências de viagens especializadas em atender esse público.

As empresas têm serviços não só para pessoas negras. Entretanto, o leque de produtos vai além de pacotes de viagens com passeios pelos pontos turísticos mais tradicionais. As agências têm também roteiros chamados de experiências afrocentradas.

Nesse caso, há visitas a locais importantes para a história e para a cultura negra, além da preferência por hotéis e restaurantes comandados por empresários negros.

É o caso da Brafrika, que já atende cinco estados no Brasil, três países na Europa e também leva seus clientes para três nações da África. A ideia de elaborar um projeto com esse tipo de enfoque começou há quase dois anos, mas a pandemia do novo coronavírus precipitou a ideia de incluir a descoberta das origens ancestrais no pacote da agência.

“A ideia surgiu desde o começo. Eu queria que as pessoas fizessem o teste de DNA, descobrissem de onde era sua ancestralidade e que a gente fosse viajar por esses lugares”, diz Bia Moremi, idealizadora da empresa. “Mas depois percebi que seria um pouco mais difícil implantar, aí eu engavetei essa parte do projeto.”

Ela conta que, quando chegou a pandemia, foi “aquele momento de desolação”. “Eu senti como se o chão tivesse saído da minha frente, foi terrível”, diz.